Macetes de Mãe responde perguntas sobre moda e maternidade

 

Em clima de Dia das Mães, convocamos a super mãe e autora do blog Macetes de Mãe, Shirley Hilgert, para responder as dúvidas das nossas seguidoras sobre moda e maternidade. Confira os macetes da Shirley para conciliar a atenção entre os filhos, ou escolher as roupas perfeitas para usar também depois da gravidez:

 
 

mãe e filho com as roupas tal mãe tal filha da AMARO

 
 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0000_6.jpg

Blusinhas de malha canelada, que ficam justinhas em qualquer corpo (de grávida ou não). Eu usei MUITO nas minhas duas gestações. Gosto também de vestidos, que podem ser justos com tecidos que esticam ou soltinhos. Ambos ficam mais românticos com sapatilha ou mais moderninhos com tênis

 
 

mãe e filho brincando, vestindo as roupas tal mãe tal filha da AMARO

 
 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0001_5.jpg

Calça skinny, sapatilha ou tênis e camiseta. O look que postei (combinadinho com o do Caê) no feed do meu Instagram é exatamente um look que eu amo usar para sair com os meninos (ou sem eles mesmo). É prático, confortável, estiloso e não me limita em nada. Se eu quiser, posso caminhar, andar de bicicleta, ou passar o dia para cima e para baixo e está tudo bem - pessoas práticas como eu precisam desse tipo de solução.

 
 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0002_4.jpg

Na gravidez do Leo, que eu estava bem em forma - ganhei pouco peso - eu só usava roupas mais justinhas (e confortáveis, claro!) e me sentia muito em com elas. Já na gravidez do Caê, eu estava bem mais acima do peso, então me senti mais confortável com as roupas mais soltinhas. Acho que tudo é uma questão de como a gente se sente bem naquele momento. 

 
 

 
 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0003_3.jpg

Não foi uma decisão pensada. Foi uma decisão sentida. Sempre gosto de dizer isso. Antes de engravidar queria ter dois filhos. Quando o Leo nasceu, achei tudo tão difícil que até ele completar quase dois anos eu dizia que ia ficar só em um mesmo. Mas aí, de uma hora para a outra as coisas foram ficando mais fáceis e a minha vontade de ter outro veio com tudo. Nesse momento, não pensei muito, não fiz contas, não analisei friamente a situação. Só deixei acontecer e logo engravidei.

 
 

 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0004_2.jpg

Obrigada pelo "bonita" :) Na verdade, o que me ajuda a ter disposição, saúde e também manter uma boa aparência é a minha rotina matinal de bem estar. Quase todos os dias eu acordo às 5h da manhã, medito, me alongo, leio e saio para correr, andar de bicicleta ou fazer ioga. Isso me acalma, me enche de energia e também mantém a minha saúde e a minha forma em dia. É claro que nem sempre dá - tem dias que durmo tarde e não consigo - mas sempre que possível eu faço essa rotina porque ela me faz muito bem (aprendi através da leitura do livro O Milagre da Manha, do Hal Elrod).

 
 
20190426_amaro_amarolive_dicas de mãe_0005_1.jpg

Está aí um grande desafio da maternidade (risos!). Meus filhos são bastante ciumentos um do outro, então preciso "rebolar" para lidar com as crises que acabamos tendo em muitos momentos por aqui. A dica é sempre tentar fazer coisas que agradam aos dois ou, então, dividir o tempo e atender os desejos de um e depois o do outro. Por exemplo, Caê adora brincar de faz de conta, de teatro ou de médico. Já o Leo gosta de pintar ou de brincar de carrinho. Assim, eu divido o tempo que eu fico com os dois fazendo um pouco de cada coisa. E aí, se o irmão quiser participar da atividade do outro, é sempre bem vindo.