Gio Ewbank fala sobre moda e maternidade e dá dicas de Noronha

 

Filha de fashionista, fashionista é. Não é à toa que a fofa Titi, de apenas quatro anos, já é assunto dos mais comentados nas redes sociais: a filha de Giovanna Ewbank herdou da mãe o gosto por looks que não passam despercebidos. A atriz foi uma das convidadas de honra na abertura do nosso novo Guide Shop carioca, na Aníbal de Mendonça, em Ipanema, e nos contou mais sobre suas recentes paixões no mundo da moda. Confira:

giovanna-ewbank-amaro

Foto Bruno Ryfer

Você gosta de comprar online?

Amo! Acho que no online a gente encontra peças diferentes que nem sempre vemos por aí. Tirando que é mais fácil garimpar, já que você está na sua casa e tem muito mais paciência e liberdade para ficar procurando aquele item especial diretamente do seu sofá.

Você é muito consumista?

Não sou muito, sou mais para o meu marido e minha filha. Acabo comprando muito mais para eles do que para mim.

A maternidade mudou seu estilo?

Com certeza, não consigo mais usar no dia a dia decote, minissaia, salto alto... E eu sempre usei muito. A cada dia eu saia com um look diferente, agora é sempre camiseta, jeans e tênis. A gente tem que estar confortável, pois na hora de pegar a criança no colo não dá pra escapar algo em um decote.

Você é ligada em tendências?

Eu curto e acompanho, mas não uso nada que não tenha a ver comigo. Não fico experimentando o que sei que não vai dar certo.

E qual a sua favorita no momento?

São os biquínis e maiôs asa-delta. Acho que eles deixam o corpo bonito e a mulher mais longilínea. Mas as pessoas ainda estranham muito! Quando eu uso na praia elas sempre ficam olhando.

Giovanna Ewbank-0375.jpg

Foto Bruno Ryfer

Sua filha é superfashionista! Ela gosta de escolher os próprios looks ou você que os escolhe?

Lógico que eu amo escolher, mas ela tem muita personalidade. Com quatro anos ela já diz o que quer. Se eu quero algo e ela não concorda, logo diz: “não quero essa mamãe, quero a outra”. Eu insisto, mas não adianta. Ontem a levei na escola, era o dia da fantasia e não consegui de jeito nenhum convencê-la a colocar as orelhas da Minnie. Ela foi com a roupa da personagem, mas fez questão de usar uma bandana na cabeça. Acho que eu sempre usei bandana e tenho fotos de criança usando, então ela viu em mim e gosta por conta disso.

Você também inaugurou em setembro passado um salão de beleza no Rio de Janeiro. Você é muito vaidosa?

Aprendi a ser vaidosa por conta da minha profissão, então cuido muito mais da pele, do corpo e do cabelo do que antes, afinal trabalho com a minha imagem. Mas deixei de ser tanto por conta da maternidade e atualmente estou bem mais relax.  Mesmo assim, estou sempre no salão cuidando dos fios – sendo loira, não dá para descuidar! Invisto sempre em tratamentos e hidratações e tiro as pontinhas.

Você e o Bruno Gagliasso trabalham no mesmo meio do e têm vários negócios juntos. Vocês falam muito de trabalho em casa?

Engraçado, até que não, sabia? Falamos mais quando marcamos reuniões com o pessoal que trabalha conosco, mas tentamos chegar em casa, deixar o celular de lado e aproveitar o momento. É claro que eventualmente falamos uma coisa ou outra, mas nunca fazemos reunião na cozinha. Separamos bem isso.

Vocês têm uma pousada em Fernando de Noronha, a Maria Bonita. Quais são seus lugares favoritos no arquipélago?

Só esse ano já fui umas cinco vezes para Noronha. Acho que o Bruno idealizou essa pousada já pensando nisso, porque ele vive arranjando desculpas para ir sempre! A praia que eu mais gosto para curtir o dia é a Praia do Leão, mas a mais linda é a do Sancho, então sempre vou nas duas. O lugar que eu amo comer é o Cacimba Bistrô, do chef Auricélio – é simplesmente de lamber os beiços. O espaço conta com uma área externa com almofadas e todo mundo fica sentado no chão. É obrigatório fazer um passeio de barco, pois toda vez é possível ver golfinhos livres rodopiando. Já vi mais de mil vezes e sempre me emociono! Por fim, não saiam de lá sem antes comer o açaí do Açaí de Raízes, é um dos mais gostoso da vida.