Glossário Fashion | Tudo sobre roupas de Vinil

 

As roupas femininas de vinil são vestimentas plásticas brilhantes confeccionadas com policloreto de vinila, o famoso PVC. A sigla PVC vem da língua inglesa, e deriva das iniciais de polyvinyl chloride, que é o nome dado ao tipo de plástico no idioma. As roupas de PVC (ou vinil) são muitas vezes confundidas com couro brilhante apesar de se tratarem de materiais totalmente diferentes.

20011847_470_main_5.jpg

Esses materiais sintéticos normalmente consistem de um suporte em tecido de fibras de poliéster com um revestimento de superfície de plástico brilhante. A camada de plástico em si é uma mistura de PVC e poliuretano (PU), que também é usado na confecção de materiais que imitam o couro comum.

O PVC pode ser produzido em diversas cores brilhantes, que vão do preto ao vermelho, branco, azul, rosa, metalizados etc. As roupas de vinil são muito associadas com o visual futurista, gótico, punk, e com modas fetichistas, mas há pouco tempo ele voltou em itens considerados high fashion e integra looks do cotidiano. Peças como saias, calças e sapatos de vinil são muito procurados e estão marcando presença não só nas ruas, como também nas semanas de moda mundo afora.

 

História

O plástico é utilizado no vestuário desde a sua invenção, principalmente na fabricação de capas de chuva. As roupas de vinil, porém, ganharam força nas tendências de moda da década de 1960 e início dos anos 1970. Alguns estilistas da época, como André Courrèges e Pierre Cardin, viram no plástico PVC uma oportunidade incrível para criar roupas futuristas. Durante aquela época, botas, capas de chuva, vestidos e outros itens foram confeccionados em várias cores, até mesmo transparente, e utilizadas como roupas do dia a dia.

Durante meados dos anos 1990, era comum ver apresentadores, modelos, atrizes e outras celebridades vestindo roupas de vinil na TV ou em revistas. E, como a moda é cíclica, no meio de várias idas e vindas, o material faz o seu retorno.

 

Obtenção do PVC

Assim como todo plástico, o vinil é feito a partir de repetidos processos de polimerização que convertem hidrocarbonetos, contidos em materiais como o petróleo, em um único composto chamado polímero. O vinil é formado basicamente por etileno e cloro.

Por uma reação química, o etileno e o cloro combinam-se, formando o dicloreto de etileno, que por sua vez é transformado em um gás chamado "VCM" (Vinyl chloride monomer, em português, cloreto de vinila). O passo final é a polimerização, que converte o monômero em polímero de vinil, que é o PVC, ou como conhecemos na moda, o vinil.

 

Cuidados com as roupas de vinil

Roupas de vinil exigem alguns cuidados para durarem por mais tempo. É sabido que as roupas de PVC são feitas com um tecido revestido com uma camada de plástico. Por esse motivo, as roupas de PVC não devem ser esticadas excessivamente, para evitar danos à camada de plástico. Quando a roupa de PVC é esticada demasiadamente, a camada de plástico perde sua textura suave, fica estriada, perdendo parte do brilho original, e podendo até rasgar.

As roupas de PVC não precisam ser lavadas constantemente, sendo suficiente a aplicação de um higienizador de tecidos do lado de dentro da roupa e limpar o exterior (camada de plástico) com uma esponja úmida. Caso haja necessidade, as roupas de vinil devem ser lavadas à mão com água morna e uma pequena quantidade de detergente líquido. Não deve ser utilizado sabão em pó, os flocos podem permanecer na roupa depois da lavagem, e também podem perfurar e riscar a camada de plástico.

Para remover o detergente deve-se usar água fria. Depois de lavada, deve-se virar a roupa no avesso e colocar para secar à sombra. Após a secagem do interior (tecido de poliéster), deve-se desvirar a roupa para que ela seque do lado de fora.

Peças de vinil nunca devem ser passadas. Este tipo de roupa é confeccionada com plásticos sensíveis ao calor, e que podem derreter sob o ferro. Também devem ser evitadas as temperaturas elevadas de qualquer fonte, tais como fogo, secadoras de roupa e até a proximidade de cigarros acesos.

Peças de vinil colorido, especialmente as brancas, devem ser armazenadas separadamente uma da outra, ou uma roupa de determinada cor pode manchar a outra. O vinil é melhor armazenado em um saco plástico próprio para roupas, sem contato com outras peças do guarda-roupas.

 

na amaro

Seguindo as últimas tendências de moda, você encontra na AMARO peças de vinil incríveis e que dão um charme a mais à qualquer produção. De sandálias de vinil transparente à saias que dão um ar fetichista super moderno aos looks, você encontra os melhores itens para arrasar em qualquer ocasião!