Concrete Dream

 

A cultura grega encontra referências high-tech e futuristas, à la Ex Machina, na nova coleção Concrete Dream. Entre os destaques estão peças de
perfume maximalista e itens que delineiam a silhueta, em uma verdadeira ode ao corpo feminino.

As paredes de mármore e as esculturas de um museu foram o ponto de partida para as estampas, que evocam ao mesmo tempo um mood clássico e artsy. A cartela
de cores é sóbria, mas conta com toques estratégicos de dourado, prateado e cobre. O brilho, aliás, aparece forte em itens de foil colorido, com leve
toque furta-cor, e acessórios de lurex e paetês, como as meias de cano curto.

Já a valorização da silhueta desponta em itens de formas fluidas, como regatas de caimento escultural, bodies com decote V, vestidos com recortes e camisetas com detalhes transparentes e aplicações pontuais de renda. Os corsets ressurgem mais libertadores, decorando com amarrações blusas e acessórios de vinil.

Nos pés, fique de olho nos sapatos tipo slingback, com tira fina no calcanhar, nas botas brancas, que ainda seguem fortes, e na mule de cetim,
que pode ser usada com ou sem tornozeleira.